quinta-feira, 18 de novembro de 2010

gato de satã.


Que é que se passa com os gatos e os collants? Ultimamente sempre que tento sair de casa com uns postos a coisa não tende a correr bem. A primeira vez que ele atacou eu estava orgulhosa da minha toilette - finalmente tinha encontrado os collants perfeitos, pretos com pintinhas e o conjunto até não tinha resultado nada mal. Mal tocam para eu sair, balú dá salto olímpico para cima de mim, põe garras de fora e desce dessa forma até ao chão, visivelmente satisfeito. Resultado: sai de casa com visual grunge à força. Hoje, mesma merda e mesmo modus operandi: salto inesperado e estupidamente alto, unhas para fora e toca de descer por aí abaixo. Se calhar ele acha que as minhas pernas são troncos ou assim, o que não é absolutamente nada cool.

9 comentários:

Scarlet disse...

Auch! E não te arranha as pernas??
A minha gata, no máximo, abocanhou-me os tornozelos numa tentativa de brincadeira e aprendeu logo que não era boa ideia ao 1º grito de ?Leooooonor!'

senhorita valdez disse...

as pernas não. por outro lado tenho as mãos e braços num estado lastimável, um cemitério de cicatrizes que quando for verão não sei se não deixará marcas.
eu consigo ensinar um número muito limitado de coisas ao meu gato. ele puro e simplesmente não quer saber.

Ego disse...

ele é apenas fãn do Kurt Cobain e de todo um visual grunge

senhorita valdez disse...

pena que ele não use collants para eu retribuir o favor.
sim, por acaso eu hoje estou muito grunge, fosse eu loira e quase que parecia a courtney love pré-botox.

Cat disse...

percebes agora porque tenho medo de gatinhos :D

senhorita valdez disse...

não seja por isso. também já tive um episódio em que um cão mastigou os meus collants por ciúmes do dono.

Ego disse...

Um cão que mastigou os collants por ciumes do dono... Muito bom. Os meus já fizeram xixi para os pés de uma miúda. O que eu tive de me controlar para não me rir

senhorita valdez disse...

foi genial. tive que sair à rua com calças emprestadas, que me ficavam a matar. parecia uma chunga do guetto, até assustei a senhora da padaria quando fui comprar 1 croissant, ela pensava que eu a ia assaltar.

clara disse...

Também não percebo, os meus fazem exactamente a mesma coisa. Eles vêm collants e aquilo deve parecer-lhes brinquedo ou coisa do género...